O que foi a Guerra do Contestado?

O que foi a Guerra do Contestado?

01/01/2007 00h00 Publicado em 01/01/2007, às 00h00 - Atualizado em 23/10/2017, às 16h36

Aventuras na História
Aventuras na História - Arquivo Aventuras

Envolvido em um ambiente de messianismo e revolta, o conflito armado entre camponeses e forças do Exército na região que engloba os estados de Santa Catarina e Paraná, ocorrido entre 1912 e 1916, é considerado uma réplica sulista da Guerra de Canudos. Um dos estopins da revolta foi a construção de uma estrada de ferro ligando São Paulo a Santa Maria (RS) pela empresa americana Brazil Railway Company, que teria direito a uma faixa de terra de 15 quilômetros de cada lado da ferrovia. Liderados pelo beato José Maria, os camponeses empobrecidos, que haviam sido obrigados a deixar suas terras após a desapropriação promovida pelo governo, formaram uma comunidade independente, com ideais anti-republicanos.

O movimento, engrossado por trabalhadores que ficaram desempregados ao fim das obras de construção da estrada, chamou a atenção do governo federal, que decidiu enviar tropas para combater os rebeldes. O confronto deixou um saldo de mais de 5 mil mortos e feridos entre os caboclos. Após 46 meses de conflito, seu último líder, Deodato Manuel Ramos, foi preso em agosto de 1916, marcando o fim da Guerra do Contestado.