Moda com História » Família Real Britânica

Diana e Charles: o casal queria uma filha?

Estreia de Spencer relembra a turbulenta saga da mulher que se tornou princesa do povo

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 22/01/2022, às 08h00

Diana, Charles, William e Harry em uma entrevista (1985)
Diana, Charles, William e Harry em uma entrevista (1985) - Divulgação / Youtube (The Royal Family Channel)

A figura da Princesa Diana, Lady Di ou a princesa do povo sempre foi uma personagem muito querida, seja pelo público ou pela própria mídia. Com diversas obras póstumas falando sobre sua história, seu casamento e seu legado, um novo filme sobre Diana chega aos cinemas no começo de fevereiro: o muito esperado ‘Spencer’.

Estrelado por Kristen Stewart como Lady Di, o longa-metragem já tem dado muito o que falar para os críticos, e a atriz é uma das grandes apostas para levar o próximo Oscar de Melhor Atriz, na cerimônia deste ano. O filme mostra um momento muito turbulento na vida da Princesa do Povo e em seu casamento com o Príncipe Charles.

O principal problema na união entre os dois aristocratas, pelo que sabemos como público, foi o caso extraconjugal que Charles manteve com sua atual esposa, Camila, a Duquesa da Cornualha.

No entanto, outros aspectos podem ter impactado o casamento de Charles e Diana, inclusive o fato de que o casal teria querido uma filha.

De acordo com uma fonte próxima do casal na época, como noticiado pelo E!News e repercutido pela revista Claudia, os dois queriam ter uma criança menina durante a segunda gravidez.

Esta vontade foi frustrada com os filhos que o par teve, Harry e William, no entanto, supostamente, Charles usa a energia paternal com a nora Kate Middleton devido a isto.

Porém, mesmo que isto pareça pacífico, outras pessoas comentam que o fato dos dois não terem uma filha foi motivo de uma separação emocional no casamento. Uma das pessoas que tinha esta opinião era a própria Diana, como a mesma explicou em uma entrevista com o jornalista biógrafo Andrew Morton.

Charles e eu fomos muito, muito próximos nas seis semanas antes do nascimento de Harry, o mais próximos que já fomos ou que jamais seremos. Então, do nada, quando Harry nasceu, foi como um bang e nosso casamento foi ralo a baixo”, a princesa narrou.

Mas como era mesmo o casamento de Diana e Charles?

Charles e Diana em sua entrevista de noivado (1981) - Créditos: Divulgação / Youtube (politicsworldwide)

Segundo estas conversas entre a Princesa do Povo e Morton, que foram incluídas no livro “Diana: Sua verdadeira história em suas próprias palavras” de 2013, o Príncipe Charles respondeu à descoberta do sexo de seu filho com choque, afirmando, de acordo com relato de Diana: “Oh meu deus, é um menino. E ele até tem cabelo ruivo”.

A união entre os dois, no entanto, já estava frágil mesmo antes do nascimento de Harry em 1984. Uma entrevista do casal real em 1981, logo que anunciaram seu noivado, é um dos maiores símbolos que o público tem para os atritos internos entre Charles e Diana, como medido por suas respostas à pergunta “Vocês estão apaixonados?”.

“É claro!”, respondeu Diana, enquanto o Príncipe Charles adotou uma rota mais filosófica, afirmando: “O que quer que ‘apaixonados’ signifique”.

Mais tarde, a Princesa do Povo afirmaria que isto foi motivo de um trauma para ela, por ter se surpreendido com a resposta de seu futuro marido.

Junto com a declaração marcante de Diana, falando que o casamento era superpovoado com três pessoas, e a confissão de Charles, a união entre os dois chegou a seu fim oficial com um divórcio em 1996. A Princesa do Povo veio a falecer apenas um ano depois, em 1997, um acontecimento que até hoje está envolto em teorias da conspiração.


Diana também entrou para a história diante das peças icônicas e marcantes que vestiu ao longo dos anos em que esteve na família real britânica. O filme 'Spencer' vem de encontro com o recente lançamento 'Casa Gucci', que relembra a saga da família que criou um império. 

Abaixo, confira o nosso especial no podcast 'Aventuras Narradas em Moda com História', com roteiro e narração de Laura Wie, especialista em História da Moda.